Os Fuscas de Inhotim

VW Fusca colorido, obra de arte, Jarbas Lopes, Inhotim, MG

Fusca e Minas, tudo a ver!

Eu sou muuuito suspeito para falar de Minas Gerais. Povo educado, hospitaleiro, cortês e uma gastronomia de dar água na boca só de lembrar. Assim, qualquer motivo para mim é uma ótima pedida para voltar até lá! Desta vez, depois de uma ida a Tiradentes, foi a vez de esticarmos um fim de semana a Belo Horizonte. Motivo? Desbravarmos o Inhotim Centro de Arte Contemporânea, que é um fantástico museu a céu aberto (o maior do mundo), localizado na cidade de Brumadinho, que fica a apenas 60km de BH.

Sabe aquele lugar em que você já entra com a certeza de que vai sentir saudades? Pois bem, é lá. Inhotim é uma experiência enriquecedora, sensorial, e não há como descrever! Em cada canto do museu, abrigado em uma enorme área verde, cercado por jardins, mata fechada e lagos de cores exóticas, existe uma surpresa que vai mexer com você. São diversas galerias, pavilhões e obras de artistas renomados de todo o mundo. Hélio Oiticica, Cildo Meireles, Adriana Varejão, Tunga, dentre tantos outros. Veja aqui a história completa do museu criado pelo empresário mineiro Bernardo de Mello Paz, em 1980.

Yayoi Kusama, obra de arte, Inhotim, MG

Se você não conseguiu ver a exposição da Yayoi Kusama no Brasil, tem uma obra em Inhotim!

Se você gosta de arte ou mesmo não sendo um expert no assunto, você não pode perder. Coloque em seu roteiro de caminhada pelo museu as obras: o Sonic Pavilion, de Doug Aitken – a inexplicável sensação de ouvir o som amplificado da Terra vindo de um poço de 220m de profundidade, a Elevazione – a árvore elevada de Giuseppe Penone, e o vermelho vivo da galeria do Cildo Meireles. Minhas favoritas!

Árvore Suspensa, Inhotim, MG

A árvore suspensa é uma das melhores atrações de Inhotim.

A galeria retrô e vermelha de Cildo Meireles.

A galeria retrô e vermelha de Cildo Meireles.

Para quem é fã de carros como eu, há uma exposição muito especial – o Troca-Troca. São 3 Volkswagen Fuscas, pintados azul, amarelo e laranja, porém, com suas carrocerias misturadas, literalmente trocadas. O autor, Jarbas Lopes, ainda equipou os bólidos com sistemas de som interligados. Datada de 2002, as esculturas móveis já estiveram em outros museus antes de chegar a Inhotim. Atualmente elas dão passeios pelo parque e fazem a alegria de quem sabe que um Fusca e Minas tem tudo a ver!

VW Fuscas, Jarbas Lopes, Inhotim, MG, Obras de arte

Tentei fugir da chuva e voltar de Fusca, mas não deu…

Minas é assim: cidades históricas preservadas com carinho, sotaque gostoso de ouvir, terra do pão de queijo, cafézin com bolo  e casa do Skank. Precisa mais motivos para te convencer a ir conhecer esse “trem”? Minha próxima parada por lá será uma visita a Ouro Preto, em breve, para matar saudades… abraços ;)

Dicas de viagem!
#Vôo da Gol. Encontramos preços tipo barganha saindo de São Paulo sábado bem cedo e retornando no domingo logo após o almoço. Compramos com 2 meses de antecedência (isso ajuda!). Assim, você ainda pode aproveitar domingo para bater perna no Mercado Central – a feirinha da capital já teve seus tempos áureos…
#Nos hospedamos no novo ibis Style da Pampulha, diárias de R$ 129! Foi um achado!
#Alugamos um carro da Movida e fomos direto do Aeroporto de Confins para Inhotim. Saindo de lá a distância acresce mais 40km…
#Um dia é pouco, pense em 2 dias para ver todo o museu com calma. É um lugar para relaxar e contemplar também a natureza.
#Voltando a BH a noite, não deixe de jantar no Xapuri, melhor restaurante típico mineiro. Para quem gosta e coleciona os pratos, eles fazem parte da Associação dos Restaurantes da Boa Lembrança.
#Os ingressos do museu você compra direto pela internet, no site de Inhotim. R$ 30 por pessoa aos fins de semana.
#Dica: é bom comprar o passe que dá direito a pegar carona nos carrinhos elétricos em itinerários pré-determinados. Custa R$ 20 por pessoa.
#Em breve o museu ganhará um hotel. Fique de olho, deve ser uma ótima pedida ;)

Fotos: Porta-Luva.com

PG

Author: PG

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *