Renault Captur: o crossover que pode estar na sua garagem em 2014

Fotos Renault Captur

A frente moderna leva a nova identidade visual da Renault.

Nas minhas andanças de férias por Paris, além do pequeno Twizy, aproveitei para conhecer em primeira mão o novo crossover da Renault – o Captur, lançado em abril desde ano na Europa. Derivado da mesma plataforma do Novo Clio (do velho continente), o modelo é promessa para desembarcar no Brasil em 2014, como informam várias revistas especializadas. O fato é que o novato é um colírio aos olhos se comparado ao nosso Duster, de linhas romenas. Com tantos contra-ataques neste nicho de SUVs de entrada, como a volta por cima da líder de mercado Ford EcoSport, o já anunciado Chevrolet Tracker e os futuros Peugeot 2008 e VW Taigun, a montadora francesa vai buscar uma nova opção para se manter bem na briga.  Ao que tudo indica, o Captur deve se posicionar um degrau acima do irmão.

Renault Captur - Fotos

A traseira é menos arrojada, mas, agradável aos olhos

Fotos - Renault Captur

Jovialidade: perfil com vindos elevados e rodas personalizáveis.

Por fora, a nova linha de design da marca, além da cartilha tradicional de um crossover: altura elevada do solo, para-brisa avançado, apliques de cor escura nas bases dos para-choques e vincos em sentido ascendente nas laterais. A frente arrojada me agradou muito mais que a traseira, que a meu ver não tem um grande “tchan”.  O carro tem várias opções de personalização, inclusive na carroceria em dois tons – moda relançada em grande estilo pelo Land Rover Evoque. Rodas, acabamento interno (claro ou escuro), revestimentos dos bancos e temas gráficos podem atender aos desejos mais variados.

Fotos Interior Renault Captur

Interior tem linhas modernas e aposta na integração de cores.

Renault-Captur-Fotos-Painel-Blog-sobre-carros-Porta-Luva

Elementos analógicos e digitais como no Novo Clio europeu.

No interior, o painel mescla velocímetro digital com conta-giro e medidores analógico – design e grafismo bacanas. O console central, pelo menos do veículo em exposição, tinha em destaque a grande tela do sistema R-Link, touchscreen, com a novidade de uma APP Store só para baixar aplicativos para o carro, som com tecnologia Arkamys, além de todas as conectividades possíveis: bluetooth, conexão USB e navegador TomTom. A ignição era por botão start/stop e o acabamento era bom, apesar de ser perceptível uma influência à la Dacia nos plásticos e bancos. Achei o porta-malas pequeno (377l), mas é o padrão dos modelos derivados das plataformas compactas. Ele é um jovem urbano! Ah, uma sacada muito boa: os revestimentos dos bancos removíveis através de zíper, laváveis à máquina e substituíveis. Prático, não? Porque ninguém nunca pensou antes!

Fotos Sistema R-Link Renault Captur

Novo sistema R-Link: loja com aplicativos para o carro!

Renault Captur Fotos Porta Malas

Porta-malas justo para uma plataforma compacta e urbana.

Esta versão tinha motor a diesel 1.4 (turbo) com 90cv e velocidade máxima de 171 km/h. Preço: € 17.700 (R$ 56.070 ao câmbio de hoje). Agora é aguardar mais notícias e as perspectivas de preço, que devem ronda a casa dos R$ 70 mil para não criar problemas para o Duster.

Fotos: Porta-Luva

PG

Author: PG

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *